Homenagem aos Pais

Não sei ao certo a autoria da poesia. Alguns dizem ser de Vinícius de Moraes outros atribuem ao mexicano Mariano Alejandro Osorio Murillo. Neste momento isto parece não importar tanto. Respeitados os direitos autorais eu não poderia deixar de cita-la como homenagem ao dia dos pais. Principalmente daqueles que não estão conosco. E ai, parecido com a poesia surge uma vontade de escrever alguma coisa sobre meu pai mas devo dizer apenas uma frase: foi meu amigo, apostou em mim. Embora ele não esteja presente para enxugar minhas lágrimas outros amigos o farão em seu lugar. Assim, vendo que continuo protegido poderá continuar sua nova tarefa. É compreensível que vendo o céu não irei ver meu pai, mas talvez eu possa estar mais próximo de Deus e, por todas as coisas que fez aqui na Terra este é o lugar ideal em que possa estar. Se, parecido com a poesia a amizade só faz sentido se traz o céu pra mais perto da gente, ver todas as noites o céu me deixa mais perto de meu pai.



Deixe uma resposta